sábado, 18 de dezembro de 2010

O espectáculo




Breve notícia sobre a Assembleia Municipal de sexta-feira passada.

Se naquele dia estava doente (a rouquidão quase não me deixou apresentar a comunicação mas, com algum esforço, lá consegui chegar ao fim), hoje estou muito pior. Por isso, a vontade de escrever também não é muita. Mas como prometi noticiar o que se passou… aqui vai um resumo (e apenas sobre o assunto por mim levantado: as mentiras do senhor vereador José Gonçalves ao jornal Sol de dia 17, como aqui noticiei).

(Mas não perdem pela demora. A sessão foi gravada e, em breve, contamos ter a versão integral dos edificantes discursos proferidos pela senhora Presidente da Câmara, pelo vereador acima referido e pelo deputado municipal Henrique Carreiras)

Fui a 1.ª a intervir e, a seguir, falaram mais seis munícipes (quatro deles abordaram o valor cultural dos palheiros da Costa de Caparica que a COSTAPOLIS quer destruir; um sobre o espaço comercial no Centro Cívico do Feijó que continua fechado e, finalmente, o Sr. Padre João Luís, da paróquia de Cacilhas para lamentar a rejeição, na sessão anterior, de uma moção sobre aproveitamento dos alimentos excedentários dos restaurantes da zona).

À pergunta que coloquei no final da minha intervenção, “O que têm a dizer, publicamente, a senhora Presidente da Câmara, o senhor Vereador José Gonçalves, a bancada da CDU e os partidos da Oposição?” obtive as seguintes reacções:

Esperava a indiferença da CDU, tal como veio a ocorrer. Mas é de estranhar que, perante acusações tão graves, não tenham ido logo defender a “sua dama”. Por muito menos já fizeram escarcéus dos diabos…
Falou, contudo, o ex-vereador Henrique Carreiras, a título pessoal, para dar umas explicações mentirosas e deixar a seguinte mensagem: “esta senhora [Ermelinda Toscano] está a causar muitos problemas” (…) “eu tenho de segurar o meu filho para ele não fazer outras coisas”.

Surpreendeu-me o silêncio do PSD que sobre o assunto nem uma palavra proferiu. Será que acham aquela situação normal?

O BE preocupou-se mais com os palheiros (até foram logo ao local, falaram com as pessoas e tiraram fotografias) e no caso do trabalhador vítima de mobbing apenas disseram que achavam inconcebível um trabalhador não ter água nem comunicações… como se mais nada houvesse a comentar na notícia do Sol.

Da bancada do PS colocaram diversas perguntas ao executivo (todas pertinentes) tentando evidenciar as contradições do discurso oficial da CMA e da sua prática quotidiana.

O vereador José Gonçalves, como seria óbvio, tentou desmentir tudo o que eu dissera, mas nem uma única evidência apresentou, mostrando antes muita insegurança. E passou ao ataque: “lamento que questões de recursos humanos sejam colocadas na praça pública, sem rigor, sem cuidado” … “deve haver reserva no tratamento destas questões”. “Na nossa Câmara damos especial atenção às pessoas” … “avaliamos as condições de trabalho de todos e de cada um”. Referindo-se a mim, avançou que: “já nos habituámos que nos traga aqui uma pretensa defesa dos direitos dos trabalhadores mas acaba por trazer é ofensas”. Acerca do caso em concreto: “Não havia condições para o reintegrar pois já havia uma pessoa no lugar. Mas foram-lhe dadas condições para desempenhar outra função” sempre “no cumprimento estrito da lei”… “está num escritório que tem todas as condições do meu gabinete, tem água na casa-de-banho e tem comunicações” … se tem queixas “não se compreende porque não as faça ao dirigente máximo do serviço e apareça na Assembleia Municipal e nos jornais:”

E o CDS foi o mais contundente: “conhecemos a sobranceria como a CMA lida com as decisões judiciais”. E disseram que havia naquele caso uma questão de direitos humanos que parecia ninguém estar a ver. Perguntaram: “se a Câmara cumpriu sempre a lei por que razão foi, então, condenada em tribunal?”. E exigiram que, em circunstância alguma, houvessem perseguições políticas.

Finalmente falou a Presidente da Câmara.
Evidenciando uma irritação incontrolada, começou logo por entrar a dizer que não ia a blogues nem lia pasquins. Mas, logo de seguida, referiu que sabia ser alvo de ataques neste blogue, onde até a sua opção religiosa fora posta causa (?), e indignou-se com o facto de aqui terem aparecido as fotografias do carro que a CMA coloca ao seu dispor no fim de semana, logo ela que até prescinde do motorista. “Não uso os bens da Câmara para coisa nenhuma”… “a vergonha vai a este ponto”.
E, depois, numa voz exaltadíssima: “há pessoas que são más, que são doentes. Se são doentes, é preciso que se tratem. Se são más, não têm remédio”.
E num tom ameaçador: “Não admito que usem a minha família” … “não toquem na minha família” … “não toquem numa mãe” porque senão “ai, ai, ai, eu deixo de falar por mim. E no dia em que deixar de falar por mim, eu deixo de ser Presidente da Câmara. Ai, ai, ai”.
Há, de facto, “pessoas más, mal formadas” … é tudo “muito indigno” porque “eu não sou cobarde e não tenho medo. Tenho as costas direitas e não tenho rabos de palha”… “ética na política é fundamental”.

O resto fica para dizer no próximo capítulo.

63 comentários:

José Eduardo disse...

Lição de Pedagogia aos Social Fascistas do PCP na CMA/SMAS: "Notas de um pai"

"A ciência universal é a filosofia.

Parece que seria ocioso proclamar a educação real.

A educação prática ainda se abandona mais do que a real!

O mesmo indivíduo ou o mesmo povo pode mudar com o tempo: é o resultado da educação.

Há que fazer a sua educação real.

A vida, que para muitos se afigura de descanso, sem trabalho exterior, é um martírio.

Lembromo-nos de que o bem é preciso fazê-lo.

As propriedades do espírito chamam-se faculdades e, sendo de carácter, qualidades.

A educação intelectual deve ser, a um tempo, intuitiva e discursiva. Não se prejudique uma por outra. O excesso de erudição cria os eruditos.

A instrução intuitiva ainda mal chegou ao nosso ensino geral primário e secundário; e pouco mesmo ainda se dá no ensino superior.

À falta de instrução é que muitas pessoas, pelo gosto de pensar, se entretêm com frivolidades.

Ter um ideal é ter a paixão, a ambição, gerada por uma ideia.

A curiosidade é uma espécie de simpatia: volta-nos com benevolência para tudo e todos.

A serenidade é própria só dos previdentes.

Quem tem um ideal, faz dele um destino.

A educação deve acelerar a emancipação individual.

A harmonia dos espíritos é a mais delicada obra da civilização e da cultura.

Não se pode fazer moral sem convivência, sem sociabilidade. O isolamento é um mal.

A virtude transmite-se sob a forma de instinto da ordem e do bem."

Bernardino Machado

Assim, ex. Lisnave disse...

O quê, então o oportunista carreiras, que diziam estar doente ainda é deputado municipal. pudera com a reforma que tem, nada melhor que não fazer nada.Este era mais um falso comuna que se encheu. Na Lisnave os trabalhadores nunca compreenderam a ascensão do carreiras, pois achavam que ele não era comunista, mas sim um grande oportunista.

EMALMADA disse...

A Face Oculta dos comunistas está a vir à superficie.
Começa a ser destapada por munícipes que não têm medo de os enfrentar.
Lamentável que a oposição se tenha calado ou se cale diante de evidências escandalosas e continue a cultivar cortesia de conveniência com eles.

Os argumentos do vereador actual são caricatos. Devia pensar na falta de coerência e até de sensatez revelada nos seus juízos.
A intervenção da Presidente está na linha a que nos habituou, quando é interpelada e "lhe tocam nos cordelinhos" como diz o povo, sobretudo se é uma mulher a interpelá-la. Salta-lhe a tampa.

Quanto ao ex-vereador e deputado municipal repescado ou tirado do fundo do baú...bem, está sempre igual a ele: não sabe comportar-se como gente nem lidar com pessoas com alguma cultura, quanto mais com quem está por dentro de assuntos dos quais ele se julga entendido ou o único entendido.

Compreende-se assim que Almada se encontre muito doente porque tem sido gerida por esta gentinha trauliteira e mal habituada.

assim se..... disse...

O pior é que o PCP está nas mãos da fascista Emília. Veja-se afastou a grande comunista Antónia, o PCP calou-se. Afastou o comunista Hernani. Ficaram o independente$$$$ matos, os putos lambe botas rui jorje e revés e a miuda ambiciosa amélia.

Nuno Matias disse...

D. Ermelinda,

Não percebi neste seu post a sua "surpresa" pelo silencio do PSD. Como sabe, pois já teve ocasião de reunir com o PSD, estamos a juntar informações para preparar um pedido de informação formal aos responsáveis autárquicos, pelo que enquanto as perguntas não forem feitas e as respostas dadas, não faz sentido promover política espectáculo pois nunca seria naquele momento que obteríamos a resposta que de desejamos e que os Almadenses merecem, e exigem, obter.

Não se preocupem os Almadenses e os trabalhadores da Autarquia pois seremos implacáveis na defesa de uma gestão de recursos humanos transparente, imparcial e justa.

E seremos os primeiros a associarmo-nos e a agir a alguma situação menos própria que aconteça.

Aliás, como sabe, isso mesmo já aconteceu. Por isso o PSD não está em silêncio. Está, como sabe, a agir de outra maneira, e a seu tempo poderá falar publicamente, quando for o momento de o fazer.

Com estima,

Nuno Matias

Maria disse...

O PSD foi, até agora o único partido que quis ver em que condições se encontram os vários trabalhadores vítimas de assédio moral por parte da CMA.
Bem haja por isso.
Nem sempre, quem defende os direitos dos trabalhadores, o faz de forma visível aos olhos de todos, mas não deixa de ser eficaz nessa luta.

Reporter Almadense disse...

Citando o EMALMADA:
"Quanto ao ex-vereador e deputado municipal repescado ou tirado do fundo do baú...bem, está sempre igual a ele: não sabe comportar-se como gente nem lidar com pessoas com alguma cultura, quanto mais com quem está por dentro de assuntos dos quais ele se julga entendido ou o único entendido."
O Sr. Carreiras é o mencionado acima.
De facto anda de candeias às avessas com a verdade...
Falta-lhe lembrar-se das humilhantes intervenções da "patroa" MES acerca dele e de quando o mandava calar-se quando ainda era vereador.
Mas não pode deixar de dar vómitos aquela teoria segundo a qual "o trabalhador ainda devia agradecer ao SMAS, de tanto o terem levado ao colo".
Por exemplo, devia agradecer o despedimento ilícito de que foi alvo pela pessoa deste camarada, que mal sabendo ler e escrever, permitiu-se assinar o despacho que despediu o trabalhador e que foi considerado grave atentado aos seus direitos pelo SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA.
Na opinião deste esclarecido ex-vereador, o trabalhador devia agradecer o ter sido retirado de 1.º da lista de classificação do Concurso, para admitir o 2.º classificado, sobrinho de um certo camarada, trabalhador na Autarquia... Também esta atitude do vereador Carreiras foi declarada NULA E SEM EFEITO pelo Tribunal Administrativo (outro Processo movido contra a CMA e ganho pelo trabalhador, em todas as Instâncias).
As Sentenças são públicas e um jornalista que se preze, sabe ir consultar as fontes.
Mas há mais, que deixo para depois.

não sou a M.Emília disse...

Ai, Ai, Ai, Ai, também sou MÃE.
E quem se mete com a minha Família, eu deixo de responder por mim; eu que não sou a Maria Emília da CMA.
Aliás nem entendo como pode essa senhora, no uso pleno das funções para que foi (infelizmente) eleita, e em plena A.M., desviar-se dos assuntos autárquicos, e pôr-se a defender a família dela, como se de interesse vital para Almada se tratasse.
É o que acontece quando, ao cabo de dezenas de anos no poder, se começa a confundir a coisa pública com a família…
Eu não confundo: NÃO SOU A senhora Maria Emília, MAS VOU ATÉ ÀS ÚLTIMAS CONMSEQUÊNCIAS PARA DEFENDER OS MEUS FILHOS!

Isto (como diz o povo) sem misturar trabalho com "bagaço"!

Nota final: Conhaque é fino demais para tal espécie de criatura.

flash disse...

Aproveitando aqui a sua presença, Senhor Vereador Nuno Matias, dirijo-me a si para que esclareça publicamente, já que não o fez em privado, porque lhe merece resposta uma mensagem que pensou ser dum político com assento na AMA e o mesmo não acontece quando lhe é evidenciado que o autor é um qualquer cidadão?
Peço desculpa à Ermelinda pela utilização do INFINITo´S para este efeito.

Fernando Miguel
----- Original Message -----
From: Fernando Miguel
To: PSD ALMADA
Sent: Friday, October 22, 2010 11:05 PM
Subject: Re: Pelo diálogo e cooperação


Exmo Senhor
Nuno Matias

Aparentemente, há aqui um equívoco. Eu não sou o Senhor Fernando Pena, mas, apenas um cidadão amador, preocupado com a coisa pública, especificamente, com a má sorte do nosso concelho. Deu-me na veneta de endereçar a mensagem aos partidos representados na AMA, num daqueles ímpetos de que não a há a esperar consequências palpáveis, diga-se..........
Por acaso, de quando em vez, envio umas coisas deste tipo para o PSD, que nunca revelou interesse, Só uma vez reagiu - foi o Senhor que o fez - a propósito de eu ter feito notar que não respondiam, para dizer que sim, respondia sempre. Se, efectivamente, é assim, alguma coisa não deve funcionar a preceito.
Se der uma olhadela pelo blogue da Ermelinda Toscano, estão lá dois posts com base em dua questões minhas que se prendem com actas ( CMA e JFCaparica)

Bom fim-de semana,

Fernando Miguel
----- Original Message -----
From: PSD ALMADA
To: Fernando Miguel
Sent: Friday, October 22, 2010 11:24 PM
Subject: Re: Pelo diálogo e cooperação


Caro Deputado Fernando Pena,

O PSD, através de mim próprio, solicitou há algumas semanas uma reunião com a Plataforma para trocar impressões e informações sobre situações que se têm passado no concelho de Almada.

Com estima

Nuno Matias
Presidente do PSD Almada
Vereador da CMA



Em 22 de outubro de 2010 21:37, Fernando Miguel escreveu:



Na minha opinião, os partidos políticos do concelho deveriam aceitar o repto da Plataforma de Cidadania do Concelho de Almada e reunir-se com ela - ou os representantes partidários, ou os vereadores ou os deputados municipais.



Apesar de eu compreender que há condicionantes que poderão ser consideradas como não propícias para tal, reconheço, também, que nestas questões interessa mais ter uma atitude de "estado".



A Plataforma assume-se como um "encontro"de cidadãos indiferenciados politicamente. Sendo assim, e porque este movimento informal tem feito incidir a sua acção, em especial, sobre uma série de más práticas da autarquia, há que não o ignorar, antes com ele estabelecer e manter relações direccionadas para o interesse comum dos cidadãos e da sociedade concelhia.



Por outro lado, parece-me, sem prejuízo das diferenças de estratégia e de concepção sobre a coisa pública, há, também, que esclarecer o que julgo serem alguns equívocos que inquinam um normal relacionamento.



Se o Movimento existe, então há que utilizar tal realidade em benefício da população concelhia, seleccionando aquilo que se poderá mobilizar e rentabilizar em acções cooperantes entre os nossos representantes institucionais e uma organização social.

Cumprimentos,

Fernando Miguel

Anónimo disse...

Oiçam a "voz da dona" de Almada em plena A.M. de 17 de Dezembro. Digam-me lá se não é uma vergonha ter uma presidenta assim

http://www.youtube.com/watch?v=7DH_fuSOhwo

O principal objectivo desta, como presidente da Camara, é tratar dos negócios da família.

"Quem não é por nós, é contra nós!"

Nuno Matias disse...

munícipe Fernando Miguel,

efectivamente ocorreu esse erro da minha parte, mas remeti-lhe logo um email a pedir desculpa pelo facto e a disponibilizar-me para falarmos até pessoalmente.

Não me recordo de ter vindo devolvido, mas se assim foi, deixo-lhe novamente o meu email para pudermos agendar essa conversa- nunomatias.cmalmada@gmail.com

Com estima,

Nuno Matias

flash disse...

Vereador Nuno Matias

O meu endereço electrónico é precisamente o mesmo para o qual enviou a resposta para o vereador Fernando Pena.
A caixa está a funcionar normalmente, tal como funcionou para a recepção sua mensagem
Sent: Friday, October 22, 2010 11:24 PM
Subject: Re: Pelo diálogo e cooperação
Não é a primeira vez que o que diz que me é (foi) enviado não é recepcionado.
Alguma coisa não está a funcionar bem.
Fico a aguardar que me reenvie o
e-mail em causa.

Cumprimentos

Fernando Miguel

Viva a ditadura da Emilia disse...

A Maria Emilia destesta o Nuno Matias. Acha que é um menino bem conportado. Mas sabe que consegue tê-lo na mão, através do amigo pedroso de almeida, o mesmo já não acha em relação ao Prof. Fernando Pena. esse sim um osso duro de roer.conheço-a bem.

Anónimo disse...

Mais uma descoberta. O Domingos Rasteiro é comunista. a estrutura do PCP da camara como sabem da má fama que ele tem junto dos trabalhadores, costumam dizer que esta criatura é do cds. até onde os comunas vão

EMALMADA disse...

Quando há, se tem, se sente dificuldade ou não se quer entender o óbvio ou se faz despercebido, Almada, obviamente não pode estar bem.

Nuno Matias disse...

Não sei o que a Sra. presidente da CMA sente por mim, nem isso é importante para o desempenho do meu mandato.

Quanto ao ter-me na mão ou ao vereador Pedroso de ALmeida só por ignorância ou desconhecimento da realidade objectiva. Os 2 vereadores do PSD votaram em consciência e coerência, CONTRA, os 2 últimos orçamentos depois da maioria comunista não ter querido incluir muitas das nossas propostas.

O PSD assume o seu programa, respeita os Almadenses e não vira as costas aos seus compromissos com os cidadãos. Fizesse o BE a mesma coisa e teríamos melhor orçamento, e com isso melhor futuro para Almada.

Minda disse...

José Eduardo:

Achas que essa lição de filosofia servirá de alguma coisa ao vereador José Gonçalves, ao deputado Henrique Carreiras ou à Presidente da Câmara? AH esqueci-me, a senhora presidente nem sequer lê este blogue…

Minda disse...

Assim:

Peço-lhe alguma contenção, sobretudo nos qualificativos de personalidade.

Minda disse...

AmAlmada:

A senhora Presidente tem de perceber que nem ela nem a sua família estão acima da lei.
Ser parente da senhora Presidente não confere nenhum estatuto de privilégio.
Por isso, desde que sejam detectadas situações ilícitas irei sempre denunciar os prevaricadores, seja a filha, o sobrinho ou o afilhado da senhora Presidente. E antes de os assuntos serem aqui divulgados já os documentos de provas estão nas mãos da entidades judiciais para investigação. Bem pode a senhora Presidente gritar “ai, ai, ai” indefinidamente…
Quanto ao ex-vereador Carreiras, nem sequer vale a pena comentar.
E o Presidente dos SMAS escusa de rodear os assuntos porque a versão que defende facilmente se desmonta. Com provas documentais e testemunhas.

Minda disse...

Assim se:

O poder está nas mãos de gente prepotente. E há tantos anos agarrados a ele, já apanharam todos os vícios da ditadura…

Minda disse...

Caro vereador Nuno Matias,

A minha surpresa refere-se, tão só e apenas, à sessão da Assembleia.
E surpresa porquê? Precisamente por saber que os vereadores do PSD foram os únicos que visitaram as instalações onde o trabalhador está “encerrado” e os únicos que reuniram connosco, tendo mostrado disponibilidade para intervir, oficialmente, estando a organizar o respectivo processo.
Bastava que tivessem informado os presentes dessas diligências. O período do público serve para isso mesmo. Para esclarecer os munícipes e não propriamente para os autarcas colocarem perguntas ao executivo. Não considero que isso fosse fazer política espectáculo como o fizeram o vereador José Gonçalves, o deputado Henrique Carreiras e, sobretudo, a senhora Presidente da Câmara.
Aqui, publicamente, agradeço toda a vossa colaboração. A luta por “uma gestão de recursos humanos transparente, imparcial e justa” merece todo o nosso empenho e exige conjugação de esforços para que não saia gorada.

Minda disse...

Maria:

O PSD foi, de facto, o único partido a ir verificar, in loco, as instalações. Já reconheci, e agradeci, a colaboração dos seus vereadores nesta causa.
Mas quanto à visibilidade da defesa dos direitos dos trabalhadores, apenas um pequeno senão: é que se ela for assim tão invisível e, sobretudo, se for de actuação demorada, acaba por permitir que algumas situações possam ser irreversíveis. O que é muito mau.
Por vezes temos de actuar mais cedo do que o previsto e acabar por dar visibilidade ao que se faz para evitar o pior.

Minda disse...

Repórter Almadense:

As declarações do ex-vereador Henrique Carreiras não merecem qualquer crédito.
Conhecendo nós o teor das sentenças dos Tribunais (quer o do trabalho quer o administrativo) que julgaram o caso do Eng.º Jorge Abreu, e sabendo da intervenção directa deste senhor em todo o processo, bem pode ele dizer o que quiser que ninguém acredita nele.
E depois venha ameaçar com aquilo que o filho pretende fazer… (e que ele tem de conter, coitado!).

Minda disse...

Não sou a M.ª Emília:

Exactamente.
Todos sabem qual é o envolvimento da filha da Sr.ª Presidente no caso do Eng.º Jorge Abreu. Mas a senhora Presidente nem uma palavra proferiu, nada esclareceu… porque não se pode tocar na filha, faça ela o fizer, terá sempre a protecção da mãe. Ai, ai, ai…

Minda disse...

Fernando Miguel:

Este espaço também serve para isso...
Para entrar em diálogo com quem por cá passa e solicitar esclarecimentos a outros que não a administradora do blogue.

Minda disse...

Anónimo das 13:28h

Muito obrigada pela informação.
Agora há que divulgar... para que todos saibam o que se passa.

RH disse...

È preciso ter lata quando a sra.Emília diz que não tem rabos de palha e que venha o primeiro acusá-la de beneficiar a família pudera tudo o que é seu familiar é Director deve de ir para o guiness. Filha directora aguas residuais, sobrinho director aguas potáveis, companheira da filha directora do DEGAS, etc e diz que não tem rabos de palha tem é de polvora.

Mafaldinha disse...

O Carreiras devia estar caladinho e a Alexandra também. Não é verdade que o Eng. não quis assinar. Nunca lhe deram posse para assinar.Queriam que o Eng.assinasse um documento feito por eles, como sendo o Eng. a fazê-lo, como não o fez eles forjaram um outro documento de resposta numa altura em que o Eng. não estava no posto de trabalho mas sim na sede tudo isto consta da setença e está provado.
São manobras tipo polícias políticas.
Tudo isto é estranho porque a Alexandra perante um colectivo disse:
"Todos sabemos que o Eng. é um excelente profissional e uma mais valia para o município, mas ele não quis assinar".
Quem sai aos seus não degenera.

Bruno Dias disse...

E uma vergonha aquilo que se passou na assembleia municipal a Maria Emilia ja nem se da ao trabalho de responder a perguntas dos eleitos, e não conseguiu esclarecer ninguem em relação ao que a filha fez em relação ao Eng. a verdade e que só sobe gritar, ameaçar e berrar parvoices e ai, ai, ai não se metam com a minha familia e verdadeiramente vergonhoso parece que e a MAFIA sim aquilo é a MAFIA.
Estamos a começar a conseguir chegar ao ponto que tanto lhes doi, porque perguntam voces porque estamos a chegar à verdade.

Ermelinda não pare e continue porque somos muitos os que apoiamos as suas iniciativas e de diferentes quadrantes politicos, não tenha medo que esta gente não vale nada acredite.

Força para a frente é que é o caminho.

IEV da LISNAVE disse...

Tem razão o Camarada Carreiras, é mentira a questão das CURAS alcoólicas.
Se fosse CURA, não necessitava de mais, estava curado.
Ainda hoje necessita, pelo que não é verdade que se tenha curado.
Desde a Lisnave, eu sempre o conheci tocado, beberrolas antes de mais, arruaceiro quanto pôde. Nenhuma cura resultou, pelo que terá que ir á quinta; questão simples: o PCP vai pagar a 5ª.?
Nã senhor, agora já não interessa, descartável como sempre foi...

disse...

Isto mete nojo.
Uma Presidente da Câmara que se põe a gritar "ai, ai, ai..." se lhe tocam na família.
Um ex-vereador que ameaça com o filho, qual Chuck Norris...
Um Presidente dos SMAS que ainda não deve ter percebido o "preço" da herança...
Em bom português, o que me apetece dizer, é que estes gajos estão a pedir uma carga de porrada... a paciência tem limites...

Anónimo disse...

AI,AI,AI,AI, agarrem-me senão mato uma munícipe da autarquia de que sou presidenta.
Fascismo nunca mais!

Anónimo disse...

e quando eram as manifs da Lisnave em Lisboa? quem e que parava em todas as tascas, para um copo de 3?
beberrolas é pouco e cura nunca vai dar nele
ass: camarada enganado da Reparação Naval

Zé dos plasticos disse...

Olá e eu que até fiz anos se soubesse em vez de ir ao cinema tinha ido á Assemb. Municipal tal a peixeirada.

http://www.youtube.com/watch?v=7DH_fuSOhwo

Ai,Ai,Ai,Ai, agora que grande confusão então a patrona ja conheçe o blog e a plataforma?
Como a patrona se engasgou toda ao justificar o direito dos eleitos sobre as viaturas ao serviço dos eleitos e para que servem.
E ficamos a saber que a patrona não vive em tal Rua mas tem uma Rua (não será de admirar visto que a filha já tem tantas propriedades pagas a PPG tambem a Mamã pode ter uma Rua.
A Patrona no discurso é um exemplo de dignidade de educação e de democraçia se duvidas houvesse fiquei esclarecido alem disso com fantoches como o Alcoolatra não precissa de ter rabos de palha pois conseguiu que se alguem ficar entalado não será ela.
Valores Politicos é pá mas todos sabemos quais têm sido desde 1979.
Ai,Ai,Ai,Ai Cuidado
Não brinquem com a minha familia pois eu tenho brincado com a familia dos trabalhadores e dos Municipes e o resultado está á vista.
Convem o Alcoolico segurar o filho porque se ele segue o caminho do Papá ou vái fazer negocios para Angola ou então dá subsidios com o dinheiro dos contribuintes aos bombeiros com a condição de estes comprarem equipamentos nas suas empresas.
Ai,Ai,Ai,Ai

Anónimo disse...

Ai, ai, ai! Tantos anónimos e menos anónimos a chegar forte e feio no mesmo! Ai, ai, ai!!!!

De facto, para "peixeirada" não há melhor que D. Ermelinda! Lá isso não há! É mestra nessas coisas!

Mas vim aqui só para fazer uma pergunta (o resto, os tribunais hão-de pronunciar-se no tempo próprio, D. Ermelinda que não perca a demora!): o tal Eng. de que tantos anónimos falam aqui é MESMO engenheiro? Está inscrito na Ordem? Responda lá quem puder ...

Anónimo disse...

Todas as facetas dos eleitos já eram , mais ou menos, do conhecimento do povo, mas confirmado por tanta gente e ainda com a senhora na Assembleia aos ai, ai, ai...ainda não tinha visto nem ouvido.
O som da intervenção da senhora no youtube não é boa qualidade, mas dá para perceber.
Enfim...gostos...

Anónimo disse...

Ao anónimo anterior das 20:39
com os SMAS nunca se sabe se é Engenheiro mas como está a ser tão perseguido é porque é Engenheiro da Ordem, no entanto à que perguntar à respectiva.

Até logo

KGB Almadanov disse...

ao anonimo das 19 de Dezembro de 2010 20:39

quais tribunais? os da KGB?

Anónimo disse...

Se quiser saber quais os Engenheiros da CMA/SMAS é fácil vejam quais são os mais mal pagos isto sem contar com os familiares directos da presidenta.
Os Engenheiros da Ordem não passam dos 1500 aereos
Agora os que nada são vão para cima dos 3500 aereos como o caso dos falsos Fernando Mendes, Ramiro Norberto, etc.

Anónimo disse...

É claro que a pergunta era para D. Ermelinda, não era para a D. Ermelinda travestida de outras coisas. Mas está certo, D. Ermelinda está doentinha. Ao que parece nem escrever lhe apetece. Coitada ...

Repito a pergunta, agora expressamente dirigida à D. Ermelinda: esse tal engenheiro de que tantos (???) aqui falam, e todos - incluindo a D. Ermelinda - trantando-o por engenheiro ou eng., que vai dar ao mesmo, está inscrito na Ordem dos Engenheiros? É mesmo engenheiro, como D. Ermelinda entende que devem ser os engenheiros? Ou não é? Só para sabermos todos do que falamos, não é por mais nada ...

Minda disse...

RH:

Bem vistas as coisas, não é a Presidente da CM que beneficia directamente os seus familiares. Não é ela que organiza os processos, é um facto. E nem sequer os homologa… pois eles estão todos nos SMAS e essa tarefa cabe ao vereador que preside ao Conselho de Administração. E se calhar é capaz de ser mera coincidência a filha dela ser Directora de Departamento e o sobrinho também, assim como outros mais.

Minda disse...

Mafaldinha:

Na sexta-feira foram faladas muitas mentiras (que a seu tempo serão desmentidas) por parte do vereador José Gonçalves e do deputado Henrique Carreiras no que se refere ao caso do Eng.º Jorge Abreu.
Mas a verdade facilmente virá ao de cima… aliás, basta ler as sentenças (que são públicas). E estou em crer que esta gente não tarda irá ser responsabilizada pelos seus actos.

Minda disse...

Bruno:

De facto foi mesmo uma vergonha. Inaceitável! Em vez de esclarecer os presentes sobre o caso em apreço, a Presidente da CMA resolve defender a família… ai, ai, ai! Mas já aqui o disse e volto a repetir: ninguém está acima da lei.
Obrigada pelas suas palavras.

Minda disse...

IEV:
Peço-lhe que se abstenha de fazer comentários desta natureza. As ofensas gratuitas são desnecessárias. Se tem críticas a fazer apresente-as mas com moderação.

Minda disse...

Zé:

Foi um espectáculo degradante.
Tanta falta de compostura. Francamente...

Minda disse...

Anónimo das 17:52h

Só faltou mesmo uma frase desse tipo.
Mas ameaças veladas não faltaram.

Minda disse...

Anónimo das 18h

Pedia-lhe algum moderação na linguagem, se faz favor.

Minda disse...

Zé dos Plásticos:

Muitos parabéns!
Mas vir assistir a este triste espectáculo no dia de aniversário era muito deprimente.
Fez bem em ir ao cinema.
Obrigada pelo seu comentário, mas peço-lhe que evite utilizar qualificativos ofensivos sobre o carácter das pessoas.

Minda disse...

Anónimo das 20:39h

Bem-vindo. Há quanto tempo não passava por cá.

Minda disse...

Anónimo das 21:03h

O artigo de 2.ª feira é precisamente a transcrição do ficheiro áudio.
Para não se perder pitada.

Minda disse...

Anónimo das 23:21h

Admiro a sua preocupação com a verdade. Pois fique então sabendo que o trabalhador em causa tem licenciatura em engenharia, sim, e está inscrito na respectiva Ordem, sim.
Já agora, também quer o número da cédula profissional?
E o contacto do gabinete jurídico da Ordem dos Engenheiros, para confirmar?

Votos de um bom início de semana.
Seja feliz.

Anónimo disse...

É mesmo sorte, não é D. Ermelinda? O homem é dos bons, dos verdadeiros, daqueles que têm cédula e tudo! E logo tinha que vir parar "às suas mãos"! Mesmo a calhar, hein?

Vá lá, então, não se fique pela promessa. Deixe lá aqui o número da cédula profissional do sr. Engº e o número de telefone do gabinete jurídico da Ordem dos Engenheiros para podermos confirmar. Só não entendo porque não deixou aqui essa informação logo à primeira. Força, vamos a isso!

José Eduardo disse...

Car@ anónimo de 20 de Dezembro de 2010 00:06: a sua atitude, para além de infantil, relembra-nos a velha PIDE, quando procurava através da tortura obter informações dos antifascistas que se opunham ao regime de então (e não eram só os comunistas que faziam oposição; muitos outros a faziam também)! Se continua com dúvidas, basta-lhe entrar em contacto com a Ordem dos Engenheiros, que logo verá esclarecida a sua dúvida!
Actualize-se...

Anónimo disse...

Ao Anónimo das 00:06h

Mas, então, quer a "papinha toda feita"?
Além de pide é, também, preguiçoso?
Vá ao site da Ordem dos Engenheiros, veja os contactos, telefone ou mande um e-mail, e aguarde a confirmação... serenamente. Que o Natal está à porta e agora é hora de reunir a família... aquela onde ninguém toca, senão ai,ai, ai,ai!
Vá, trabalhe que é para isso que o partido lhe paga.

Anónimo disse...

Que a senhora presidente perde a cabeça. n é novidade.
Já a perdeu 2 vezes comigo, ao longo de anos.

Que n responde quando se questiona, tb não. Democracia n é com ela.

De facto esta última AM foi deslumbrante.
Tencionava lá ir, n pude, mas lá me encontrará breve/. Da última vez fui um bocado metafórica, na minha curta intervenção (já lá n ia há alguns anos, penso q a senhora presidente n atingiu.
Para a próxima eu explico.
Nesta terra é preciso coragem.
Pelo meu lado, ando bem satisfeita, pq a coragem está a aumentar. Penso q a senhora D. ME vai ter de arranjar + energias: o pesoal começa a ficar cansado.

Almerinda Teixeiravolit

Anónimo disse...

Ao anónimo das 00:06 de 20 de Dezembro

O Homem não é Engenheiro é psiquiatra e já lhe marcamos uma consulta para si.

Até logo

Maria Leonor disse...

Grande partido o CDS

Prof.Pena, com essa postura está a honrar os Almadenses que acreditam em si e no partido CDS/PP

Minda disse...

Anónimo de dia 20, 0:06h

Não quer mais nada, não?
Esforce-se um pouco e vá consultar a página da OE na internet.
Estão lá os contactos.
Depois é só telefonar e saber o que quer. Ou, então, escrever um e-mail.

Votos de um Próspero Ano Novo.

Minda disse...

José Eduardo:

É assim mesmo.
Este deve ser um dos tais engenheiros virtuais.

Minda disse...

Almerinda:

A senhora Presidenta perdeu a cabeça? Não me digas? Ai ai, ai ai... Olha que ainda recebes uma carta anónima...
Espero que o Natal tenha sido óptimo.
E aqui te deixo votos de Próspero Ano Novo.

Minda disse...

Maria Leonor:

Estou muito longe de perfilhar os ideais políticos do Dr. Fernando Pena. Mas, não posso deixar de concordar consigo. E até acrescento: Fernando Pena é, no actual mandato, o único deputado que tem, até agora, demonstrado coragem suficiente para enfrentar a Maria Emília, com frontalidade e sem papas na língua.

Anónimo disse...

pois pois tem que ser em anonimo porque depois eles sabem quem somos depois la dentro quem sofre somos nos. anda a judiciaria no edificio dos smas pincipal obejctivo foi contas e recursos humanos mas eles k vejam bem os trabalhadores todos k sao muitas vezes obrigados a fazer horas extras onde certos encarregados ganham subsidio de turno e nao fazem turno .. pergunto eu isso nao é frande?? certos induvidos entraram como caboqueiros e agora sao encarregados e porque ? e facil porque teem a familia como manipulam o esquema como esta feito vou eu falar vao outros falar nao temos qualquer duvida que o esquema esta muito bem montado para estas pessoas e quem e culpados nisto tudo sao os verdadeiros corruptos dos smas acho k esta na altura de os smas te ter uma limpeza

Minda disse...

Anónimo de dia 1 de Fevereiro, 11:07h

As irregularidades cometidas nos SMAS a nível da gestão de pessoal são muitas. Umas mais fáceis de provar, outras nem tanto.

Neste momento, resta-nos esperar que a investigação iniciada a mando do Ministério Público apure a verdade e os infractores sejam penalizados.

Related Posts with Thumbnails