domingo, 18 de setembro de 2011

Almada tem... um "estacionamento pedonal"?



Rua Luís de Queirós




Praça do MFA




As imagens foram captadas no dia 14-9-2011, pelas 9:15h, na "zona pedonal" de Almada. Será antes uma espécie de "estacionamento pedonal"... estacionamento (que é para o que estas artérias servem), pedonal (porque os condutores deixam o carro e seguem a pé para o seu destino)...
Sinceramente não percebo a razão para a CMA continuar a insistir que esta é uma zona para os peões quando, afinal, ela está, quase sempre, ocupa por veículos.




Paulo Miguel Ataíde

6 comentários:

Anónimo disse...

Deve ser do meu PC, mas parece-me que apesar dos carros ainda há espaço para os peões. Enfim, alguns talvez precisem de mais espaço!
.
Por acaso até conheço a zona, antes passavam milhares de carros, agora algumas dezenas.
O sr. Ataide não entende a diferença, paciência, afinal este é o pais em que pessoas aparentemente normais eram da UDP e depois do BE.
.
Em todo o caso resta sempre uma duvida, afinal o sr. quer a estrada antiga ou os carros absolutamente banidos?
Eu apostaria que ele gosta mesmo é de dizer mal.

Anónimo disse...

Almada está condenada e entregue aos comunas, enquanto o PS aprezentar candidatos da treta torres couto paulo pedroso rubéns o tipo que ninguem conhece etc. PS principal aliado do PCP, o resto são balelas.

Anónimo disse...

Almada é o granel total. Os modernaços quiseram uma zona pedonal no seu principal eixo viário..e zás...aí está ...asneira e da grossa.
Só acho justificação para esta asneirada de comboio e zona pedonal...se os autores desta bagunça não sejam de Almada...porque se forem daqui...é propositado...
A Defesa de Almada

Paulo Miguel disse...

Ao Anónimo das 11:06 de domingo passado,

Estas imagens servem, apenas, para mostrar a contradição entre o que a autarquia pretende e o que acontce na realidade.
Chamar zona pedonal a uma rua cheia de carros estacionado quando ali é proibido fazê-lo? Afinal em que é que ficamos?

Além do mais, por anda essa ECALMA? que só vê o que não deve...

Anónimo disse...

Esta rua, que poderia ser uma rua realmente pedonal, sofre com a alarvidade que foi cometida ao querer-se pedonalizar a Avenida principal da Cidade de Almada. Feito inédito em todo o Mundo que redondou em fracasso total. Ao ser tão imbecil a situação da avenida condiciona toda e qualquer zona pedonal que se queira fazer no Centro de Almada. A avenida TEM de ser reaberta como deve de ser, sem aquele sinal junto à praça S. João Baptista e junto ao Nevada. Deve-se permitir o estacionamento nas avenidas todas ao longo do eixo canal. Só assim se poderá circular em Almada de maneira intuitiva. PS, PSD e CDS já perceberam que esta zona não funciona. O PCP por teimosia da sua presidente não assume o erro, e o BE é uma anedota, acha que assim está bom mas não sabe porquê. Autarcas, sejam sérios e resolvam esta situação que está a matar(ou já matou) Almada.

Dias disse...

Oh DEUS vem cá abaixo...
Só uma divindade pode fazer um milagre...
Será que ainda não entenderam que nesta zona os moradores e os visitantes não têm onde pôr o carro sem terem que pagar... os lugares que dizem disponíveis são ínfimos... pagar para ir comprar umas meias não dá... Devolvam o estacionamento de rua e a circulação. façam pequenas zonas pedonais que não interfiram tão violentamente com a vida dos cidadãos. Almada estava bem pensada pelos antigos, agora Almada foi desfeita pelos modernos estudiosos. Só não vê quem não quer. O metro não tem nada a ver com esta cegueira de cortarem o transito na AV, na Luis de Queiros e na rua que vai para o tribunal antigo. Isto foi um enorme erro já mais que comprovado.

Related Posts with Thumbnails